Da CATI para a CATI: programação de aniversário continuou no dia seguinte

Os 51 anos da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI) também foram comemorados no dia que se seguiu ao evento principal. Destinado ao público da CATI, os presentes, que lotaram o auditório do Centro de Treinamento (Cetate), puderam apreciar a peça teatral “Somos Todos José”, estrelada pelo engenheiro agrônomo Manoel de Mattos. A formação na área permitiu a Mattos conhecer bem a realidade rural e, há pouco menos de um ano, vem fazendo sucesso na região de Jales.

“A ideia é levar essa mensagem para todo o Brasil”, contou ao final da peça, numa roda de conversa com os participantes, funcionários, técnicos e administrativos, que vieram de todas as regiões do Estado de São Paulo para prestigiar o aniversário da instituição e as comemorações pela passagem da data.  A mensagem de “Somos Todos José” lembra a vida no campo, com sua singeleza e o que mudou com a necessidade de uma maior conscientização sobre os cuidados com o meio ambiente para a manutenção das atividades. E como recado fica a ideia pregada pelo Projeto Microbacias II – Acesso ao Mercado de que é preciso a união dos produtores rurais para se beneficiarem de políticas públicas e da valorização dos seus produtos nos mais variados mercados.

Trazer a peça teatral como uma das atrações do aniversário da CATI foi possível devido ao apoio de uma grande parceira da CATI, a Associação dos Assistentes Agropecuários do Estado de São Paulo (Agroesp), entidade que congrega os profissionais que trabalham ou trabalharam na CATI e também na Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA).

A Agroesp aproveitou a ocasião, como faz todos os anos, para homenagear os profissionais que se aposentaram no período. Ao todo, foram 12 os agraciados, que se aposentaram desde o início deste ano, e que receberam das mãos do presidente da Agroesp, Victor Branco de Araújo, além da placa de agradecimento pelos serviços prestados ao Estado de São Paulo, uma camiseta da Associação como lembrança. Victor lembrou: “O aniversário da CATI é uma data propícia para fazer esta homenagem porque mesmo alguns tendo se aposentado pela CDA, todos prestaram serviço na CATI quando as duas Coordenadorias ainda atuavam juntas”.

      

Receberam homenagem Sílvio Roberto Timóteo Borges, do Escritório de Defesa Agropecuária (EDA) de Sorocaba, Miguel Antonio Guercio (EDA Piracicaba), Euclides Francisco da Rosa (EDA Avaré), Antonio de Souza Braga Júnior (EDA Bragança Paulista), e o casal Celso Alberto Gonçalves e Vera Lúcia Gonçaves (CDA Campinas). Da CATI, os agraciados foram: Maria Luíza Moura Mendes (CATI Regional Sorocaba), Sergio Veraguas Sanches (CATI Regional Ribeirão Preto), Claudionor Gianelo (CATI Regional Barretos), Carlos Tessari Habermann (CATI Regional Limeira), José Eduardo Abramides Testa (DSMM/CATI – Campinas) e Eduardo Antonio Basso (CATI Regional Piracicaba). Falando em nome de Basso, o diretor da CATI Regional Piracicaba, Sergio Diehl, lembrou a liderança exercida por Basso, que resultou em duas Propostas de Negócio aprovadas pelo Projeto Microbacias II na região.

Mais informações: (19) 3743-3870 ou 3743-3859

jornalismo@cati.sp.gov.br