Propagação de Plantas Medicinais é o novo artigo incluído no Guia de Plantas Medicinais e Aromáticas da CATI

Dominar a arte da propagação de plantas se torna essencial para o sucesso do empreendimento agrícola, seja para produção de culturas ou para a implantação de viveiro de mudas. Por isso, o novo artigo do Guia de Plantas Medicinais e Aromáticas – e-book gratuito, que é atualizado a cada inclusão de um novo tema, e integra o rol de publicações técnicas da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI), vinculada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento –, tem como tema a propagação das plantas medicinais.

“Não é fácil conseguir sementes e mudas de espécies medicinais no comércio agropecuário, principalmente de plantas silvestres e nativas; por isso, a obtenção de sementes e mudas acaba sendo um problema para o produtor, tornando-se um gargalo nesta cadeia produtiva”, comenta a engenheira agrônoma dra. Maria Cláudia Silva Garcia Blanco, do Departamento de Extensão Rural (Dextru)/CATI, explicando que neste artigo são apresentadas as principais formas de multiplicação de plantas medicinais e métodos para se produzir mudas de qualidade, uma colaboração importante para o desenvolvimento desta atividade.

 

 

Sobre a publicação

Elaborado em formato digital, o que permite a atualização constante e a inclusão de novos temas, muitas vezes fruto de modernas pesquisas, o Guia Prático tem sido bastante acessado. “Esse formato permite que as consultas se tornem práticas e simples de serem acessadas pelos interessados, que formam um grupo bem heterogêneo, o qual procura a instituição em busca de mais conhecimento sobre as plantas medicinais, aromáticas, Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC), entre outras, no intuito de formar uma horta doméstica, institucional, em escolas e comunidades, ou simplesmente obter informações e/ou tirar dúvidas sobre uma ou outra questão”, salienta Maria Cláudia. 

Segundo a agrônoma - que sempre é procurada por seus conhecimentos e cursos oferecidos há quase 30 anos pela CATI -, as plantas medicinais e aromáticas vêm a cada dia ganhando mais espaço na busca por uma alimentação e vida mais natural e saudável. “Essa é uma área bem específica − e que gera um rico debate sobre o uso e efeito das plantas medicinais−, sobre a qual se tem um conhecimento que vem de gerações e é repassado, ao mesmo tempo em que novos conhecimentos, fruto de pesquisas científicas, são cada vez mais frequentes, principalmente com a redescoberta de plantas antes muito utilizadas, mas que caíram no esquecimento popular, e de outras descobertas nas mais diversas regiões do mundo”, avalia, reforçando a importância de a extensão rural investir na geração e divulgação de conhecimento na área, para que o saber popular não se perca e os novos saberes gerados pela ciência cheguem a todos: futuros produtores e a sociedade em geral. 

 

Onde e como acessar o Guia Prático de Plantas Medicinais e Aromáticas

Quem quiser saber mais sobre este tema específico ou sobre as diversas plantas que já foram descritas na publicação, pode acessar gratuitamente o Guia pelo link https://www.cati.sp.gov.br/portal/themes/unify/arquivos/produtos-e-servicos/acervo-tecnico/Guia%20Plantas%20Medicinais%20e%20Aromaticas%2030_6_2022.pdf

E aos interessados um recado: sugestões para novos artigos são sempre bem-vindas. É só enviar e-mail para maria.blanco@sp.gov.br.