Conheça os Produtores Participantes do PAA - Cesta Verde

 

 

ALFACE

Produzida por:
José Marcelo Scacalossi
Sítio São José
Bairro Fazenda Barra Grande do Mato Grosso
Nova Luzitânia – SP
Regional General Salgado

Breve histórico

Sr. Marcelo, é Agricultor Familiar em Nova Luzitânia. Ele reside na propriedade, e há dois (2) anos, através de contrato de comodato, estabeleceu-se como olericultor, onde ele responde por toda parte operacional da propriedade e seu pai, Sr. José, pela gestão e acesso ao mercado.
Quando surgiu o PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) Paulista, começaram o cultivo de olerícolas folhas com o desafio de produzirem para atenderem a demanda do município vizinho de Santo Antônio do Aracanguá, com apoio técnico integral da SAA (Secretaria de Agricultura e Abastecimento) do Estado de São Paulo, através da CATI Regional de General Salgado.
A partir de então, não pararam mais, e hoje, com vasta expansão de área e produtividade, continuam produzindo hortaliças folhas, em especial alface crespa, americana, lisa e repicada, além de abóbora paulistinha, acelga, alho poró, almeirão, cebolinha, couve folha, coentro, espinafre, hortelã, rabanete, rúcula e salsa.
Com a atividade consolidada, comercializam em supermercados de referências regional de Araçatuba e Buritama, e ainda diretamente ao consumidor e PNAE no município de domicilio.

ALFACE

Produzida por:
Ângela Maria de Miranda Roque
Sitio Roque
Biritiba Mirim – SP
Regional Mogi das Cruzes

Breve histórico

Dona Ângela é Agricultora Familiar em Biritiba Mirim há 30 anos.
Toda sua família trabalha no campo e na mesma propriedade durante todos esses anos.
A família é produtora de hortaliças, cultivando especialmente alface, almeirão, couve-manteiga e repolho

 

BANANA MAÇÃ

Produzida por:
Flavio Manfrim
Sítio Santo Antônio
Bairro Limoeiro
Auriflama – SP
Regional General Salgado

Breve histórico

Sr. Flávio, é Agricultor Familiar tradicional em Auriflama. A atividade econômica da propriedade, teve início com o café há 50 anos pelo seu pai, Sr. Antônio Manfrim. Ao término do ciclo do café, iniciaram as produções de frutas, liderada pelo Sr. Flávio, que já estava na juventude, e que permanece até hoje, cuja manutenção vem sendo estabelecida, pela sucessão de seu filho Flávio Jr.
Toda a família, incluindo seus pais, esposa e filho, residem e trabalham na propriedade, onde cultivam banana maçã, abacaxi pérola e manga tommy atkins.
Atualmente iniciaram também o cultivo de Seringueira.
As comercializações das frutas, destinam-se ao PNAE, diretamente ao consumidor e supermercados da região.

BANANA NANICA

Produzida por:
Paulo Alves de Lima
Sítio Aliança
Bairro Primeira Aliança
Mirandópolis – SP
Regional Andradina

Breve histórico

Paulo é Agricultor Familiar tradicional em Mirandópolis. Toda a família dele trabalha no campo. Hoje ele trabalha em propriedade própria e possui arrendamentos para o cultivo de banana.E atualmente está apto para entregas no Programa Estadual PPAIS.
Eles cultivam banana nanica, banana maçã, seringueira e trabalham com bovinocultura de corte.

BANANA NANICA

Produzida por:
Rodrigo Pereira da Silva
Sitio Nossa Senhora Aparecida
Bairro Monte Alegre
Adamantina – SP
Regional Dracena

Breve histórico

Rodrigo é Agricultor Familiar tradicional em Adamantina. Toda a família dele trabalha no campo desde o início do município de Adamantina. Hoje ele trabalha na propriedade do seu Pai Sr. Raul junto com seu irmão Rogério.
Eles cultivam Banana Nanica, Maracujá, Pimenta dedo de moça, Pepino e Berinjela.

BANANA NANICA E PRATA

Produzida por:
Felipe de Cassio Ferreira
Sitio Nossa Senhora Aparecida
São Bento do Sapucaí – SP
Vale do Paraíba – Serra da Mantiqueira
Regional São Bentodo Sapucaí

Breve histórico

Felipe do Quilombo, como é conhecido no município, é agricultor familiar tradicional de São Bento do Sapucaí. É casado, possui duas filhas e toda a família ajuda no campo nas atividades diárias, juntamente com o seu pai.
Eles cultivam, além das bananas, abobrinha, ervilha, milho, vagem manteiga, inhame, rabanete e feijão crioulo.
Em São Bento do Sapucaí, a bananicultura é a atividade mais tradicional e o município é reconhecido em toda a região pela qualidade das bananas produzidas em suas belas montanhas.
Os principais tipos de bananas cultivadas no município são a prata e a nanica, a primeira mais concentrada em áreas de maior altitude e a segunda em áreas mais baixas.

 

BANANA NANICA ORGÂNICA

Produzida por:
Carlos Henrique dos Santos
Sitio Cachoeira
Bairro Tacanje
Miracatu – SP
Regional Registro

Breve histórico

Carlos Henrique é Agricultor Familiar Orgânico em Miracatu. Iniciou a transição em 2019 e obteve a declaração de produtor orgânico em 2021.
Ele faz parte de uma cooperativa de agricultores e bananicultores de Miracatu, que juntos comercializam sua produção orgânica atualmente para 3 municípios.
A família do Carlos Henrique produz Banana Nanica, Prata e Ouro, Jaca e Lichia, em meio à exuberância e diversidade da Mata Atlântica.

 

COUVE MANTEIGA

Produzida por:
Patrícia Ribeiro de Souza
PDS Vargem do Rio Jundiaí
Bairro Jundiapeba
Mogi das Cruzes – SP
Regional Mogi das Cruzes

Breve histórico

Patrícia e Edmilson são agricultores familiares em Mogi das Cruzes e fazem parte da cooperativa COOPASAT.
Atualmente estão em transição agroecológica e possuem uma produção bem diversa, envolvendo mais de 20 tipos diferentes de hortaliças como couve manteiga, beterraba, brócolis, cenoura, rabanete, coentro, cebolinha, diversas variedades de alface, nabo, entre outros.

 

GOIABA TAILANDESA

Produzida por:
José Donizete de Grande
Sitio Santo Antonio
Cândido Rodrigues - SP
Regional de Jaboticabal

Breve histórico

José de Grande é produtor da agricultura familiar tradicional da cidade de Cândido Rodrigues, onde em uma pequena propriedade cultiva com muito capricho a Goiaba Tailandesa, variedade da fruta que chama atenção pelo seu tamanho. Algumas goiabas chegam a pesar 800 gramas.

 

HORTALIÇAS

Produzida por:
José Felisberto de Souza
Sítio Flamboyant
Bairro Bambú
Peruíbe – SP
Regional de Santos

Breve histórico

José Felisberto de Souza, o Deca, é Agricultor Familiar em Peruíbe/SP. Participante de feiras livres e fiel nas políticas públicas (PNAE e PAA).
Pronafiano, conseguiu através de muita dedicação e capacidade técnica, ampliar a produção garantindo um produto de ótima qualidade mesmo com as limitações climáticas do litoral paulista.
Hoje ele trabalha na propriedade com sua filha e esposa e tem freguesia cativa nas feiras que participa em Peruíbe.
Eles cultivam diversas hortaliças em ambiente protegido, em sistema hidropônico e plantio em canteiros.

 

LARANJA PÊRA

Produzida por:
Jucelio Macabelli
Sítio Lagoa Bonita
Bairro Taquari
Leme – SP
Regional Limeira

Breve histórico

Jucelio é produtor rural familiar no município de Leme e pertence a 3ª geração da família Macabelli, tradicional produtora de citrus da região.
Ele e seus irmãos trabalham atualmente na propriedade herdada do avô (que após a decadência do algodão iniciou o cultivo da laranja) e também em uma outra propriedade, adquirida por todos em parceria.
Além da Laranja Pera e Lima, os irmãos Macabelli cultivam Banana, Abacate, Pitaya, Atemoia e Limão.

 

LIMA ÁCIDA TAHITI

Produzida por:
Marinho Apparecido Marsello
Sítio Santo Antonio
Bairro Limeira
Tabatinga – SP
Regional Araraquara

Breve histórico

Marinho é agricultor tradicional familiar em Tabatinga. Participa da APROTABA – Associação dos Produtores Rurais de Tabatinga, contemplada com recursos do Microbacias II – Acesso ao Mercado.
Atualmente, o produtor cultiva tomate, pepino, berinjela e lima ácida tahiti.

LIMÃO/LIMA ÁCIDA TAHITI

Produzida por:
Nilton Aguiar
Sitio São João
Bairro Fartura
Mendonça - SP
Regional de São José do Rio Preto

Breve histórico

A atividade rural familiar na propriedade foi iniciada pelo pai, SR. Deolindo Aguiar, e já teve cultivo de café, manga, laranja, tangerina, pokan e hortaliças.
Atualmente, Nilton e seu filho cultivam 8 hectares de Lima Ácida Taiti, com 1500 plantas com idade de 5 anos, 1200 plantas com idade de 2 anos, ambas em plena produção, e projeção de implantar mais 850 plantas em 2022.
A propriedade é dividida com o irmão, que se dedica a cana-de-açúcar.

 

MANDIOQUINHA SALSA

Produzida por:
Angela Fátima de Moraes Souza
Sitio São Geraldo
Bairro Gamelão
Socorro – SP
CATI Regional Bragança Paulista

Breve histórico

A Sra. Angela é Agricultora Familiar tradicional no Município de Socorro-SP, no Bairro do Gamelão, onde ela trabalha na propriedade junto com seu esposo Geraldo.
Sua propriedade se localiza próxima da divisa com o Sul de Minas Gerais, onde fica a nascente do Ribeirão do Gamelão, um dos principais afluentes do Rio do Peixe, rio que abastece a cidade de Socorro.
Eles são descendentes de famílias de produtores rurais, e esta tradição vem sendo repassada as novas gerações, pois seu filho Alan também está na atividade.
Eles cultivam mandioquinha salsa, milho, batata, dentre outras.

 

MAMÃO FORMOSA

Produzida por:
Silvana Soares dos Santos
Sitio Shumidt
Assentamento União da Vitória
Suzanápolios – SP
Regional Andradina

Breve histórico

A produtora Silvana Soares dos Santos, desde o ano de 2013 junto com sua família, o esposo Vanderlei e sua filha Maria Heloísa.
No Sitio Schimidt, lote 12 no Assentamento União da Vitória no município de Suzanápolis, produzem produtos hortigranjeiros e comercializam de diferentes formas, tanto no município como na região e têm como importante referência como garantia de comercialização o Programa de Aquisição de Alimentos.
Eles cultivam Mamão Formosa, Alface, Almeirão, Cheiro Verde, Couve, Repolho, Batata Doce, Mandioca e Abóbora.

MAMÃO FORMOSA

Produzida por:
Denilson Aparecido Boverio
Sitio Bom Jesus
Bairro Rural Itagaçaba
Taquaritinga – SP
Regional Jaboticabal

Breve histórico

Denilson é Agricultor Familiar em Taquaritinga. Vem de uma família de produtores rurais, sendo a quarta geração.
O seu irmão, Reginaldo Roberto Boverio, é também Agricultor Familiar.
E seus pais ainda participam ativamente no beneficiamento e na produção agrícola da família.

MAMÃO FORMOSA

Produzida por:
Luís Carlos Cerdan
Sitio Shumidt
Chácara Nossa Senhora Aparecida
Bairro São Martinho
Tupã-SP
Regional Tupã

Breve histórico

Luís Carlos e sua esposa Irene são Agricultores Familiares e por muito tempo cultivaram café, amendoim, mandioca e mamão no município de Iacri-SP.
Há 11 meses se estabeleceram nesta chácara de 8.000 m2 no município de Tupã-SP, na qual cultivam mamão, maracujá, banana maçã e algumas olerícolas.
Comercializam a produção em feiras livres e por meio de políticas públicas como PNAE (merenda escolar). A filha Giovana cursa faculdade de Pedagogia.

 

MILHO VERDE

Produzida por:
Susana Geraldina de Lima Nunes
Sítio Nunes
Machados
Ribeirão Grande – SP
Regional Itapetininga

Breve histórico

usana e seu esposo, Natanael Nunes, são agricultores familiares que participaram do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do Governo Estadual de São Paulo do ano de 2021.
Por muitos anos, Natanael trabalhou prestando serviço em outras propriedades rurais, mas há alguns anos decidiu ter sua própria produção para fornecer alimentos de qualidade.
Assim, pediu a seus pais parte das terras para poder plantar milho e olerícolas, inclusive para produzir produtos orgânicos certificados. Nesse processo, houve um estreitamento de laços entre essa família de agricultores e a Casa da Agricultura, pois por meio dela que as políticas públicas foram acessadas.
Com a participação no PAA, a aquisição de semente de milho da Cati e as orientações técnicas, esses agricultores puderam ter mais estabilidade e agora almejam alcançar mais políticas públicas.
Fala dos agricultores - "vai trazer mais PAA para nós?" (sorriso)
Eles cultivam chuchu, tomate, milho verde, pimentão e beterraba.

 

MANDIOCA DE MESA

Produzida por:
Eva Moreira Dias da Silva
Assentamento 12 de Outubro - Lote 12
Bairro Vergel
Mogi Mirim – SP
Regional Mogi Mirim

Breve histórico

Eva é Agricultora Familiar assentada em Mogi Mirim.
Toda a família dela trabalha em seu lote dentro do Assentamento 12 de Outubro em Mogi Mirim. Eles cultivam mandioca e folhosas como alface, couve, almeirão, etc.

 

OLERÍCOLAS

Produzida por:
Irmãos FERRACINI
Sitio Recanto da Cachoeira
Município de Tambaú – SP
Regional de São João da Boa Vista

Breve histórico

Os irmãos Ferracini, Milton, Antônio e Carlos Roberto são Agricultores Familiares tradicionais em Tambaú.
Filhos do Sr. Paulo Ferracini também produtor tradicional já aposentado, toda a família trabalha no campo, principalmente produzindo olerícolas que comercializam na região.
Eles cultivam a terra respeitando o período adequado a cada cultura, em um rodizio que proporciona controle de pragas e doenças e a conservação do solo.
Berinjela, repolho, milho verde, couve, mandioca, são algumas das culturas exploradas.

 

PEPINO JAPONÊS

Produzida por:
Matheus e João Gabriel Girelli Piovezan
Estancia Lince
Neves Paulista– SP
Regional São José do Rio Preto

Breve histórico

Os irmãos Matheus e João Gabriel trabalham na produção de hortaliças em ambiente protegido desde 2017.
Iniciaram a atividade com pimentão colorido, e agora se dedicam exclusivamente a produção de pepino japonês.

PIMENTÃO E TOMATE COQUETEL

Produzida por:
Valdecir Fernandes
Sitio São Francisco
Bairro Baixada
Itápolis – SP
Regional Jaboticabal

Breve histórico

Valdecir começou a produzir Pimentão e Tomate Coquetel em ambiente protegido (estufa) a 10 anos (2012) no município de Itápolis. Hoje ele produz 5000 m² de tomate coquetel e 1500 m² de pimentão em ambiente protegido.
É cooperado da Cooperativa dos produtores de hortaliças e frutas de Itápolis - Cooperhorta, sendo a produção comercializada para os CEASAS de Ribeirão Preto, São Paulo e redes de supermercado da região de Itápolis.

 

REPOLHO

Produzida por:
Antônio da Silva Martelo
Estância Recanto Feliz
Bairro Córrego do Cateto
Sud Mennucci – SP
Regional General Salgado

Breve histórico

Sr. Antônio, carinhosamente conhecido na cidade por “Micuim” é Agricultor Familiar tradicional em Sud Mennucci, desde 2008. Muito querido na comunidade, ele trabalha com a esposa, Sra. Dilma dos S.S.C. Martelo, na pequena propriedade de 3,25ha, onde cultivam repolho, acelga, alface, almeirão, berinjela, brócolis, couve-flor, couve folhoa, quiabo, mandioca, pepino, pimentão, rúcula, salsa, tomate e ainda desenvolvem a atividade de bovinocultura leiteira.
Atualmente, oitenta porcento (80%) das comercializações de suas olerícolas, destinam-se ao PNAE, os outros vinte porcento (20%) restantes, são fornecidos diretamente ao consumidor e supermercados.

 

TOMATE

Produzida por:
Philippe Alves
Sitio São José Trabalhador
Bairro Batalhinha
Avaí – SP
Regional Bauru

Breve histórico

Philippe Alves é Agropecuarista Familiar tradicional em Avaí. Começou o trabalho no campo em 2016 junto com seu pai, que já era agricultor familiar no município, e desde então vem colhendo os frutos do seu trabalho.
Além do tomate italiano ele cultiva também a abobrinha brasileira.

TOMATE

Produzida por:
Rosana Aparecida do Nascimento Oliveira
Sítio Beija-flor
Taquarianos
Ribeirão Grande – SP
Regional Itapetininga

Breve histórico

Rosana e seu esposo Jair são um casal de agricultores familiares, cooperados da Cooperativa Agrícola de Ribeirão Grande, que sempre trabalharam na terra.
Como muitos agricultores familiares, eles enfrentaram muitas dificuldades no campo, principalmente, a desvalorização de seus produtos e de seu trabalho.Porém, esses camponeses viram nas políticas públicas uma oportunidade de mudar sua realidade.
Participaram do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) dos governos Federal, Estadual e Municipal, o que possibilitou a construção de estufas para produção de olerícolas, como o tomate.
A introdução da plasticultura na propriedade permitiu que eles pudessem fugir da sazonalidade, obtendo melhores preços, além de um melhor manejo. O PAA acima de tudo garantiu a renda desses agricultores, com preços mais justos e venda garantida.
Fala do agricultor - "Antes eu não tinha valor, com as políticas públicas eu tenho valor. A reforma da minha casa consegui fazer com o PAA."
Eles cultivam tomate, cebola, repolho, acelga, beterraba, brócolis e milho grão.

TOMATE

Produzida por:
Cristiane Terezinha Daniel Fabri e Kleber Diego Fabri
Sitio Irmãos Fabri
Bairro Congonhas
Pirajuí – SP
Regional Lins

Breve histórico

Trata-se de um casal de Agricultores Familiares tradicional em Pirajuí. Trabalham no campo há muitos anos.
Produzem olerícolas em ambiente protegido.
Eles cultivam também Pimentão e Pepino.

 

UVA NIAGARA

Produzida por:
José Francisco Ferreira
Sítio são Domingos
Córrego são Domingos
Palmeira d'Oeste– SP
Regional Jales

Breve histórico

Sr. José Francisco e D. Maria Ignez são Agricultores Familiares tradicionais em Palmeira d'Oeste e produtores de uva desde 1993.
A propriedade conta hoje com 7,0 hectares de uva níagara, porém a cerca de 30 anos atrás produzia uva fina ( Benitaka, Itália , etc).
A família possui uma outra propriedade com outras variedades de uva como BRS Núbia e BRS Vitória.